Livraria

Livro - Coroa do Advento

| Imprimir | PDF 

Comentário
Coroa de Advento. É um costume que hoje se encontra quase por toda parte: nas famílias, em grupos e nas igrejas.

O autor livro Coroa de Advento, Frei Alberto Bechäuser, apresenta a história, simbolismo e celebrações, além de apresentar propostas de celebrações em casas de família e em grupos, quer ajudar a aprofundar o simbolismo da Coroa de Advento em geral e de seus elementos, sobretudo, da coroa e das velas.

Pelo fato de se tratar de uma linguagem simbólica, a Coroa de Advento e seus elementos podem ser interpretados de diversas formas. Estamos diante de uma linguagem aberta, sempre em evolução. Podemos, pois, interpretá-Ia na nossa realidade climática, cultural e eclesial. Desde sua origem, a celebração da Coroa de Advento possui um forte apelo de compromisso social, de promoção das pessoas pobres e marginalizadas. Trata-se de acolher e cuidar da vida onde quer que esteja ameaçada.

O círculo - A coroa tem a forma de círculo. Este é símbolo da eternidade, da unidade, do tempo que não tem início nem fim, de Cristo, Senhor do tempo e da história. A coroa, desde a Antigüidade, é símbolo de vitória e do prêmio pela vitória. Por isso, ela é usada em festas de triunfo, nas celebrações de vitória.

Os ramos verdes - Os ramos verdes que enfeitam o círculo costumam ser de abeto ou de pinus, como a nossa araucária. Entre nós também de ciprestes. É símbolo nórdico. O pinus não perde as folhas no inverno. É, pois, sinal de persistência, de esperança, de imortalidade, de vitória sobre a morte. O verde é sempre símbolo de esperança.

As velas - Quanta discussão sobre a cor das velas! No início do uso da Coroa de Advento tratava-se simplesmente de velas ou de velas coloridas, e pronto. O importante era a coroa de luzes. As quatro velas indicam as quatro semanas do Tempo do Advento, as quatro fases da História da Salvação preparando a vinda do Salvador, os quatro pontos cardeais, a Cruz de Cristo, o Sol da Salvação, que ilumina o mundo envolto em trevas.

Índice
Introdução, 7
1. Origem e história da Coroa de Advento, 11

2. Uso da Coroa de Advento, 17

3. Simbolismo da Coroa de Advento, 19

(O círculo; Os ramos verdes; As velas)

4. Uso da Coroa de Advento na Missa, 25

5. Celebrações da Coroa do Advento, 31

5.1. Celebrações em grupos ou em comunidades, 31 (Quatro celebrações)

5.2. Celebrações em família, 78 (Quatro celebrações)

Apêndice de cantos, 101

 

Este livro podem ser encomendados através do e-mail  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

fonte - http://www.itf.org.br/publicacoes/coroa-de-advento-historia-simbolismo-e-celebracoes

Compartilhar

Livro - Nasci para dar certo

| Imprimir | PDF 

Nasci pra Dar Certo! Esta é a mensagem, transformada em livro, que Adriano Gonçalves não se cansa de transmitir aos jovens de todo o mundo.

Impactante como o seu outro livro, Santos de Calça Jeans, a obra desafia o leitor a dar uma resposta à vida, a ser sal da terra e luz do mundo. A partir de sua própria história, Adriano pretende que outros descubram que também podem dar certo, fazendo-os entender que precisam ser felizes (ser santos).

 

Por isso, afirma que não interessam os erros do passado e as atitudes daquele tempo, o importante é começar a perceber Deus nos pequenos detalhes e fazer as escolhas que Ele escolheria para a nossa vida.

Tipo de papel: Lux Cream 
Acabamento: Brochura 
Código de barras: 9788576772514 
Editora: Canção Nova 
Número de páginas: 136 
Edição:  
Largura (cm): 14.0 
Altura (cm): 21.0 

ISBN: 9788576772514 

Idioma: Português 

Ano: 2011  Baixe o 1º capítulo

Adquira este produto em uma de nossas livrarias

                                                                                                   Clique aqui para mais informações

Compartilhar

Livro: A Prática da Humildade

| Imprimir | PDF 

Ficha Técnica

Autor: Gioacchino Pecci (Leão XIII)
Ano: 2014
Edição: 1ª
Número de páginas: 80
ISBN: 978-85-62219-23-8

Por causa do pecado original, só a humildade abate o inferno. São Vicente de Paulo disse certa vez que o demônio não sabe se defender contra a humildade, porque é naturalmente soberbo. Por isso, a humildade é a magna virtude que o grande Papa Leão XIII (1878-1903) nos ensina magistralmente neste pequeno livro. Ela é a base de todas as virtudes. Muitos fiéis são assíduos na oração, frequentes aos sacramentos, fortes nas tribulações e generosos na caridade, mas a muitos falta a humildade, sem a qual tudo se perde. São Pedro disse: "Deus resiste aos soberbos, mas dá a sua graça aos humildes (Prov 3,34). Humilhai-vos sob a poderosa mão de Deus para que ele vos exalte no tempo oportuno" (1Pd 5,5). E Jesus deixou claro muitas vezes que quem se exalta será humilhado, mas quem se humilha será exaltado.

Compartilhar

Livro: A Guerra dos Cristeros

| Imprimir | PDF 

O livro relata, de forma sucinta, a guerra que os católicos mexicanos travaram entre 1926 e 1929 contra o governo de seu país, que queria acabar com a presença da Igreja no México. Os católicos que pegaram em armas foram chamados de "cristeros" por seus inimigos, em razão de seu grito de combate "Viva Cristo Rei". O nome fez fortuna, pois tinha a virtude de explicar a dimensão mais profunda da luta, e foi logo adotado por todos.

Ficha Técnica

Autor: Enrique Mendoza Delgado
Ano: 2013
Edição: 1ª
Número de páginas: 128
ISBN: 978-85-66764-00-0
 
Compartilhar

Livro: O Irmão de Assis - Inácio Larrañaga

| Imprimir | PDF 

Um dos mais importantes livros de Inácio Larrañaga, O Irmão de Assis é uma obra encantadora, que pretende desvelar o mistério de São Francisco, a profundidade de sua vida e sua mensagem de amor.

O livro apresenta-nos a simpática figura de São Francisco de Assis, a sua profundidade de vida, a sua mensagem de amor, como uma lufada de ar puro, na Igreja, no tempo do Papa Inocêncio III. Apresenta-nos o sentido profundamente inovador (no campo monástico) da Ordem do Irmão de Assis, a fidelidade total à Dama Pobreza, fugindo de toda a posse de bens e instalação no mundo. Esta obra tem o mérito de esquadrinhar o trabalho da graça na alma de Francisco e de revelar como a Providência o levou, a ele e aos seus primeiros irmãos, pelos caminhos da vida comunitária e do apostolado da pregação. É um livro encantador que espelha toda a mística do Poverello de Assis.

Com uma linguagem emotiva e emocionante, o autor acompanha o Pobrezinho de Assis em sua viagem transformadora: de jovem rebelde e inseguro, como tantos outros, ao "homem novo", que se entrega totalmente ao Senhor, proclamando seu amor por toda a criação.

Como em toda transformação, há primeiro um despertar, que faz cair o véu do engano e da ilusão. Não é algo que ocorra de repente, mas pouco a pouco a pessoa se convence de que nada a seu redor é real ou permanente, a não ser Deus, em sua transcendência e plenitude. Com Francisco não foi diferente, e seu desejo de libertar-se de toda limitação humana é um exemplo de sabedoria e busca dos horizontes eternos que respondem aos impulsos mais ancestrais e profundos do coração humano.

Francisco de Assis é um dos santos mais amados da tradição católica, e a sua popularidade contagia crentes de outros credos e muitos não crentes. Dizer que São Francisco foi um herói romântico, um profeta social, um precursor dos ideais humanistas, um protagonista do seu tempo é certamente pouco. Qual é então o seu segredo? Ignacio Larrañaga, um dos grandes autores contemporâneos do campo da literatura espiritual, não podia deixar-nos com uma resposta imprecisa: ele convoca-nos nesta obra para o interior de uma apaixonante viagem.

Para quem não conhece o santo, a leitura certamente levará a uma fiel devoção. Para quem já está familiarizado com a vida deste ícone da humanidade, será um grande e edificante prazer revisitar sua espiritualidade.

Compartilhar
Back to top

Copyright © Comunidade Sião 2017

Template by Joomla Templates & Szablony Joomla.