11º Domingo Comum - Ano B - 17 de junho de 2018

TEXTO BÍBLICO: Evangelho de São Marcos 4, 26-34

Jesus disse: o Reino de Deus é como um homem que espalha semente na terra. Depois ele dorme e acorda, passa o dia, vem a noite, e a semente vai brotando e crescendo, mas o homem não sabe como isso acontece. A terra produz fruto por si mesma: primeiro aparecem as folhas, depois a espiga e por fim os grãos enchem a espiga. Quando as espigas estão maduras, o homem corta com a foice, porque o tempo da colheita chegou.

Jesus dizia ainda: Com que podemos comparar o Reino de Deus? Que parábola podemos usar? O Reino é como uma semente de mostarda, que é a menor de todas as sementes da terra. Mas quando é semeada, a mostarda cresce e torna-se maior que as outras plantas. Ela dá ramos grandes, de modo que os pássaros do céu podem fazer ninho em sua sombra.

Jesus anunciava a Palavra usando muitas parábolas como essa, conforme eles podiam entender. Para a multidão só falava com parábolas, mas quando estava sozinho com os discípulos, ele explicava tudo.

1 – L E I T U R A - Que nos diz o texto?

Jesus estava orientando o povo que o ouvia sobre como conduzir melhor suas vidas. A gente que estava lá eram pessoas simples. Por isso Jesus contava histórias, parábolas, comparações para facilitar o entendimento do que dizia.

Cristo vivera na Galiléia, região fértil onde o povo cultivava a terra para sustentar sua vida. Por isso mostrava o que acontecia com quem lidava com plantas, sementes e assim dava seu recado. A observação sobre sementes lançadas a terra, seu crescimento, as plantas, tudo isso ajudava a entender o que estava explicando. Aqui, comparando o crescimento da semente em planta que produz fruto com o reino de Deus, Jesus mostrava que nada na vida aparece de repente. E que começar é importante, mas continuar é que vale. O reino de Deus, um grupo de pessoas interessadas em conhecer Deus, ouvir o que Ele tem a dizer e seguir o que o Senhor pede de cada um, é trabalho lento como o da semente debaixo da terra, e seu crescimento até tornar-se árvore que dá fruto. É assim nossa vida.

Perguntas para a leitura

·        Que é que Jesus fazia quando as pessoas vinham vê-lo?

·        Qual era a maneira que usava para orientar a vida das pessoas?

·        Que tipo de exemplo Jesus escolheu para falar?

·        Por que a mostarda é exemplo do crescimento do Reino de Deus?

·        Que são parábolas que eram usadas por Jesus?

2 – M E D I T A Ç Ã O - Que me diz? Que nos diz? Perguntas para a meditação

·        Por que as pessoas vinham ouvir Jesus?

·        Em que a parábola da mostarda se assemelha ao Reino de Deus?

·        Reconheço o ensinamento de Jesus como a sabedoria para viver?

·        Sou capaz de reconhecer Jesus como o Filho único de Deus e sou capaz de aprender com Ele, para converter-me como seu discípulo?

·        Em minha vida sou apressado para ver realizado o reino de Deus?

·        Tenho tempo para ouvir Deus falar na oração e na vida?

·        Quando não entendo bem o que leio da Palavra de Deus, procuro me esclarecer com o padre ou com alguém que sabe mais?

3 – O R A Ç Ã O - Que direi ao Senhor? Que diremos ao Senhor?

A oração é a resposta que damos a Deus que se manifesta primeiro.

Pai, eu Te louvo e te agradeço porque te deste a conhecer aos humildes, aos pobres em espírito, aos que se abrem a teu amor. Abre meu coração para poder acolher tua mensagem. Para ser humilde de coração.

Jesus quero reconhecer-te como o Filho de Deus, Senhor do céu e da terra.

Jesus quando eu sentir que não procuro ouvir tuas palavras para orientar minha vida, vem comigo, Senhor. Cura minha ignorância, resolve minhas dúvidas, envia-me teu espírito de fortaleza e dá-me a sabedoria para entender que a caminhada do Reino é passo a passo. Amém.

4 – C O N T E M P L A Ç Ã O - Como interiorizo a mensagem? Como interiorizamos a mensagem?

Coloquemos as palavras de Jesus em nosso interior. Para isso busquemos ter um coração humilde que possa aceitar a mensagem de Jesus, que nos ajude a viver como nos convida Cristo. Digamos no silêncio de nosso coração:

• Jesus continua a semear a semente de tuas palavras em meu coração

• Dá-me, Jesus um coração que ouça com atenção tua palavra e procure realizá-la em minha vida.

• Quero colaborar com humildade para que teu Reino aconteça.

• Tu és Deus, Jesus, quero que tuas palavras sempre iluminem minha vida.

5 – A Ç Ã O - Em que devo me comprometer? Em que devemos nos comprometer?

Propostas pessoais

Compare sua vida com a dos discípulos que puseram em prática o que haviam escutado de Deus e observe se você está fazendo o mesmo que eles. Que falta a você para ser um verdadeiro discípulo?

Comprometa-se ainda mais com o estudo e aprofundamento das Sagradas Escrituras, para poder interiorizar mais e melhor a sabedoria de Cristo.

Propostas comunitárias

Busque realizar o Reino de Deus em uma ação concreta que mostre de verdade que quer ser discípulo do Senhor. Ajude outros a ouvir com mais frequência a Palavra de Deus.

 

Fonte – Diocese de Petrópolis

Compartilhar

| Imprimir | PDF 

Back to top

Copyright © Comunidade Sião 2018

Template by Joomla Templates & Szablony Joomla.